Estamos prestes a “mergulhar” nas novidades, novas colecções e tendências estão a chegar às lojas. Mas… Será que antes, não deveria rever os seus hábitos no que toca a “shopping”?

1. Over budget. Defina bem o montante mensal (ou até semestral) que pretende gastar em moda (e acessórios). E não o ultrapasse! Nem quando acha que vai mesmo valer a pena.

2. Acima do que precisa. É possível (e compreensível) ter várias peças de um modelo que gosta e usa (muito), como t-shirts lisas, camisas brancas, ou qualquer outra peça que considere “básico”. Mas, no geral, não compre mais peças que aquelas que vai (efectivamente) usar. Ou, se gosta muito de novidades, faça limpezas frequentes no guarda-roupa e dê a quem mais precisa. Não ter roupa a mais vai fazer com que também seja mais fácil escolher o que vestir a cada dia!

3. Fora de estilo. Gosta das novas tendências? É normal – afinal, quem não gosta de novidades e doses renovadas de inspiração a cada estação? Nós, sim! Mas… Saiba diferenciar aquilo que tem a ver consigo (e com a sua rotina), aquilo que vai realmente usar e as tendências que pode (e gostará) realmente de adoptar.