Categoria: Look Betrend
Título: Deu Pitanga com a Vans
Tempo de leitura: 3 min 40 seg
Data: 15 de Dezembro, 2020

Deu Pitanga com a Vans da Rua Augusta, em Lisboa! A artista portuguesa Pitanga foi convidada para criar uma montra sustentável e para mostrar o que de melhor se faz em Portugal a nível da expressão artística.

Este projeto assenta na preocupação com uma consciência sustentável em reduzir o desperdício. Culminou numa nova vida de peças Vans descontinuadas. Assim, a artista deu um novo propósito a estas peças utilizando tintas à base de águas e menos poluentes.

 

Na sua página de Instagram @vaidarpitangaJoana Rodrigues partilha os seus projetos. Da ilustração à arte urbana, da personalização de ténis à criação de retratos. Joana, mais conhecida por Pitanga, falou com a Betrend sobre arte, os seus projetos e as suas peças Vans favoritas!

 

 

 

A consciência sustentável esteve sempre presente na arte da Pitanga.

“Há 9 anos, quando iniciei a minha carreira como artista independente, comecei por recriar peças de roupa usadas e desatualizadas, recorrendo às pinturas e à aplicação de tecidos ou tachas para lhes dar uma segunda oportunidade. Seguiram-se os sneakers e objetos de decoração ou móveis.”

“A minha ligação com a arte está restritamente ligada ao meu Ser, ao meu bem estar e à minha saúde mental sem dúvida! É nela que encontro a minha paz e a minha liberdade de me expressar enquanto pessoa.”

A sua montra sustentável na Vans Rua Augusta vai poder ser visitada até dia 6 de janeiro de 2021.

“O meu principal objetivo (com a montra) foi traduzir em formas e com muita cor uma mensagem de amor e compaixão traduzida num abraço global, que se estende a todos os seres em todos os lugares. “

Quisemos saber quando despertou na Pitanga a ligação entre a arte e o bem-estar individual e coletivo. Respondeu sem reservas:

“Depois de quase 10 anos a trabalhar como designer em agências, limitada e condicionada a briefings, clientes e marcas com guidelines restritas, descobri de forma individual uma forma libertadora que me libertou dessas amarras. Reencontrei as tintas e os pincéis e encontrei de novo o meu bem estar, a plenitude e a liberdade de Ser, de me expressar da forma mais pura e simples que há. Que é a que vem de mim. Sem condicionantes e limitações.”

“Eu não sou muito ligada ao consumismo ou a tendências. Gosto de ter o que necessito e, principalmente, o que é confortável. Estou apaixonada pela coleção Ultrarange: sabem aquela expressão “estar nas nuvens”? Aliam o conforto com a tecnologia e design!”

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

“Neste Natal, eu ofereceria qualquer peça da coleção u-Color para que todos pudessem ser livres a criar o seu próprio estilo e aliarem a arte à moda!

 

Quer saber mais sobre a instalação da montra da Vans Rua Augusta? 

Veja o vídeo!