São muitas as malas clássicas que nunca vão perder o seu estatuto – e muitas as marcas que podem orgulhar-se de ter desenhado pelo menos um modelo que ainda hoje é popular nas ruas, indiferente ao passar dos anos.

Escolhemos 7 exemplos de malas clássicas que, desde que foram criadas, nunca mais saíram de moda.

As malas clássicas essenciais para qualquer guarda-roupa

Modelo “box”

O modelo quadrado, simples, com um fecho no meio tem tanto de básico como de universal: vai bem com tudo, até com um lugar de topo na lista das malas clássicas que todas as mulheres gostam de ter.

Mala almofadada

O exemplo mais conhecido é, claro, o original Chanel 2.55, que é o que consta verdadeiramente na lista das malas clássicas e intemporais.

No entanto, o icónico desenho inspirou outros designers ao longo dos anos e são já várias as propostas alternativas para o mesmo princípio: uma mala pequena, de cor lisa e com aspeto almofadado.

Este modelo da nova coleção da Furla está disponível em todas as lojas Furla.

Quadrado “com asas”

O modelo quadrado com umas abas saídas dos lados já foi replicado vezes sem conta e, mesmo assim, continua a ser um clássico.

Hoje em dia, pode assumir várias cores e padrões, mas as propostas lisas e de cores sóbrias continuam a ser vencedoras.

Maxi-shopper

É dos modelos mais recentes, mas já conquistou um lugar na lista de malas clássicas.

Muito semelhante aos sacos de compras de algumas lojas, este modelo serve mesmo para isso: para que possa fazer uma sessão de compras sem andar com coisas pequenas nas mãos.

Prático e versátil, também já foi replicado algumas vezes e é mais popular em cores vivas e/ou com logos.

Triangular

É, talvez, o modelo mais formal das malas clássicas, mas continua mais do que atual em todas as estações.

Geralmente feito em pele de boa qualidade, este modelo assume um papel de destaque em qualquer look, por exemplo, look para trabalho.

Mini-bag

Usado ao ombro, pode assumir várias cores, padrões e texturas, mas uma coisa nunca muda: é sempre incrivelmente pequeno.

O mini-bag não é o tipo de mala que se leva para as compras, mas é, definitivamente, uma escolha segura para qualquer evento, mais ou menos formal.

É por isso que integra o top das malas clássicas: serve a todas as ocasiões e a todas as mulheres.

Shopper

Esta é daquelas malas clássicas que servem para todos os gostos: desde quem não consegue orientar-se com um mini-bag até quem não é ousada o suficiente para usar uma maxi-shopper.

Também já se vêm em muitas cores, texturas e até padrões, mas o verdadeiro clássico é a versão escura que, mais tarde, a Louis Vuitton celebrou com logos a toda a volta – outra moda que foi replicada inúmeras vezes por marcas de todo o mundo.

Conheça mais modelos na betrendstore.pt ou aproveite para nos visitar nas nossas lojas.