Já sabíamos que as influencers da rede social Instagram fecham negócios na ordem dos milhares (euros ou dólares) por post – segundo o WWD, existem bloggers que chegam a cobrar 25 mil dólares por uma única publicação. Ainda antes do Instagram anunciar que o algoritmo do feed iria mudar (o que, supomos, levará a que as marcas tenham que investir mais em post promovidos), a estimativa é que as marcas gastassem 1 bilião de dólares por ano em "Instagrams".

Para movimentar tudo isto, nada como a família Kardashian: o Page Six avança que a família Kardashian chega a cobrar 400 mil dólares. Kim, que junta a sua influência à do marido, Kanye West, chega a cobrar 200 mil dólares por um único post. O clã é considerado, segundo o site, uma das apostas mais seguras para quem quer publicidade, chegando a ser comparada a anúncios de televisão.

Mas as boas notícias não se ficam pelo outro lado do Atlântico: hoje foi anunciado que a marca Josefinas é a primeira marca nacional a ter parceria com a rede social Instagram. Isto traduz-se, em termos práticos, a receber “dicas para melhorar a performance na rede, receber informações exclusivas em primeira mão, contactar directamente com a Eva Chen, conseguir parcerias especiais”, enumera Sofia Oliveira [uma das criadoras da marca] ao site Life&Style, do Público.