Tudo o que precisa de saber

O Super Bowl terá hoje a sua 53ª edição no novo Mercedes-Benz Stadium em Atlanta, onde se irá disputar a final da National Football League. O jogo entre o New England Patriots e o Los Angeles Rams irá decidir quem será o campeão da temporada de 2018 e quem levará para casa o Vince Lombardi Trophy.

Esta edição marca a terceira vez em que a competição decorrerá em Atlanta, sendo que as duas primeiras decorreram em 1994 e em 2000. A edição de 2000 foi uma das mais memoráveis na história deste campeonato, pois os Los Angeles Rams alcançaram a sua primeira (e única) vitória de forma surpreendente.

Será que a localização servirá como amuleto para vencerem novamente?

Os New England Patriots, apesar de não serem a equipa com mais títulos, são os que contam com mais presenças na final. Esta será a terceira presença consecutiva na final, algo alcançado apenas por outras duas formações. Caso vençam, os New England somam, em apenas quatro anos, três das suas seis vitórias.

O grande frenesim em redor da final passa pela última vez em que as equipas de cruzaram, em 2002, que deu lugar à primeira vitória dos Patriots. O acontecimento teve lugar num momento em que os Rams eram apelidados de “the greatest show on turf” e constituiu, ao mesmo tempo, uma “troca de destinos”: os New England tornaram-se mais fortes e os Rams esmoreceram até hoje.

Poderá o destino voltar a trocar as sortes?

Para além do jogo propriamente dito, o Super Bowl é um evento que proporciona ao espectador uma atuação musical no tempo de intervalo e anúncios televisivos produzidos pelas marcas que o patrocinam – o chamado espetáculo publicitário, o mais caro no mundo da televisão. A atuação musical será conduzida pelos Maroon 5, que trarão alguns convidados especiais de forma a criarem a habitual expetativa.

Se não comprou a viagem e os bilhetes para o Super Bowl, pode acompanhar final pela televisão, através do canal Eleven Sports, cuja emissão terá início às 23.30h. Convide os seus amigos para uma madrugada memorável e cheia de emoções fortes!

Artigo publicado a 03.02.2019